Funil em Y: Marketing Online e Offline trabalhando juntos! Saiba como é possível!


O Funil em Y tem-se tornado a principal estratégia para a venda de serviços ou produtos com alto valor agregado, é uma fusão do funil de vendas online (aquele que já abordamos aqui), com o funil de vendas offline.

O funil em Y envolve dois tipos de estratégias: Inbound e Outbound Sales, que apesar de serem ações consideradas antagonistas, demonstrou-se ser possível trabalhar com as duas, alinhadas para obter resultados surpreendentes.


Para que você entenda melhor, iremos começar falando sobre as duas estratégias e como elas funcionam:

Inbound

O inbound é destinado para quem não está preparado para a compra e tem algumas dúvidas. Nele é trabalhado a atração, a conversão e a nutrição dos leads.

Como o próprio nome diz, a atração serve para atrair e fisgar possíveis clientes, ações essas feitas por meio das estratégias de conteúdo. Para isso, é preciso entender quem é o seu consumidor, listar seus hábitos, gostos, objeções e necessidades, o chamado: mapeamento de persona.

Em seguida, vem a conversão, que tem como grandes aliados as landing pages e os formulários, usados para conseguir informações sobre o possível cliente em troca de um conteúdo do seu interesse, como um e-book.

A nutrição começa a partir do momento em que o lead aceita essa relação de troca, mas ainda não está pronto para a compra efetiva. É preciso alimentá-lo para estimular o interesse pelo produto ou marca, educando-o sobre o nicho, mercado e vantagens.


Outbound

O outbound também é uma forma de captação, porém trabalha com a prospecção ativa, que aborda potenciais clientes que correspondem ao perfil ideal. Este é dividido em três partes:

A captação nada mais é do que captar ativamente os leads, usando ferramentas e canais de comunicação digital. Ela consiste na definição do consumidor ideal, onde é incluído todas as características que você quer que ele possua.

Na conexão começa-se as tentativas de contato com o lead captado. Resume-se no envio de e-mails que apresentam a empresa, produtos ou serviços, além de se colocar à disposição para outras conversas.

Por fim, vem a qualificação. Nesta o time separa os leads qualificados (que estão prontos para fechar negócio) e os que ainda não estão (para entender suas necessidades e trabalhá-las ao longo do tempo).


O objetivo do funil de vendas em Y é captar leads por meio das duas estratégias. Além de fazer trocas entre elas, transferir leads que não estão engajando no inbound para o outbound. Isso é o funil em Y. É a troca de leads captados pelo outbound e nutridos por meio do inbound ou o contrário, quando eles são atraídos pelo inbound e depois são ativados com processos de outbound.


Agora que você já sabe tudo sobre funis, que tal planejar um para a sua empresa? Converse com a gente!

36 visualizações0 comentário